Qual fã de futebol nunca quis comandar sua própria equipe?

Venha com a gente e mergulhe por dentro desta febre que tem se consolidado entre os fãs de esportes do Brasil e mundo!

O que são? De onde vieram?
Seja bem vindo ao mundo dos Fantasy Games!

Mas afinal, o que são Fantasy Games?

Fantasy Games ou Fantasy Football, basicamente, são jogos onde o jogador assume o papel de “treinador” e escala o seu time baseado em times reais, montando times fantasia (daí a origem do nome) e competindo com outros jogadores.

Esta é uma definição simples do que se trata este jogo, porém ele vai muito além disso. Para quem é fã de esportes é uma forma divertida de estar por dentro do seu esporte favorito além da possibilidade de ganhar dinheiro de verdade!

Apesar do seu notável crescimento em terras tupiniquins, para nós brasileiros, os Fantasy Games são uma forma de entretenimento recente e somente um entretenimento, porém devemos reavaliar este conceito pois cada vez mais é comum ver pessoas se especializando neste tipo de jogo.

Hoje, nos Estados Unidos, estima-se que mais de 33 milhões de americanos jogam algum tipo de Fantasy Games abrangendo várias categorias esportivas além do futebol americano como: Futebol, Boxe, Nascar, Fórmula Indy, Basquete e etc. Movimentando uma indústria que gira em torno de 1.5 bilhão anuais.

A FSTA (Fantasy Sport Trade Association – associação regulamentadora de Fantasy Sports nos Estados Unidos) aponta um crescimento de 11% nos últimos 5 anos sendo que 47% desses jogadores colocam dinheiro em seus jogos.

A Origem dos Fantasy Games 

Os Fantasy Games tiveram sua origem no final dos anos 50 quando o empresário e agente dos Oakland Riders, Wilfred “Bill” Winkenbach desenvolveu o que viriam a ser os conceitos básicos do jogo.
A partir do Golf, era selecionado um “time” de golfistas e ao final dos jogos, o jogador com o time que tinha o menor índice de tacadas ganhava o jogo.

Em 1962, Winkenbach formou a primeira liga de Fantasy de futebol americano chamada de “Greater Oakland Profissional Pigskin Prognosticators League” (GOPPPL) formada por 8 equipes.
Um avanço notável para no Sport Fantasy foi a criação da “Rotisserie League Baseball” na década de 80. O escritor Daniel Okrent é creditado como criador do sistema.

Uma curiosidade é que o nome vem de um restaurante onde Daniel encontrava seus amigos para jogar em Nova York chamado de “La Rotisserie Francaise”.
A novidade deste jogo era que os donos poderiam montar equipes de Rotisserie ( equipes fantasia) baseadas nos jogadores ativos da Major League Baseball e seguiam toda a temporada, medindo suas estatísticas e pontuações assim como um gerente de equipe deveria fazer.

Okrent era um membro da mídia, assim como seus amigos que jogavam com ele, facilitando assim a divulgação do jogo para jornalistas, principalmente jornalistas esportivos e no dia 8 de julho de 1980 é publicado o primeiro artigo sobre Fantasy Games no The New York Times.

Em março de 1981, Daniel Okrent escreveu um ensaio para a revista Inside Sports onde incluiu as regras do jogo e em 1984 os fundadores do Rotisserie publicaram um livro guia de como jogar, consolidando o estilo de jogo e se tornando febre em solo americano.

Com a popularização do Fantasy de Baseball começaram a surgir uma série de empresas e especialistas voltada para suprir a demanda de informações sobre o novo hobby do momento.

O grande sucesso do jogo é creditado a USA Today, pois era uma publicação de grande circulação e ajudou na divulgação das pontuações mais detalhadas, criando até um periódico especial, o Baseball Weekly que fornecia os scouts das partidas e o desempenho dos jogadores.

Com o sucesso, não paravam de aparecer novas publicações voltadas para o Fantasy Game:

Fantasy Football Index tornou-se o primeiro guia anual de Fantasy Football em 1987, a Fantasy Sports Magazine estreou em 1989 como a primeira publicação regular de Fantasy Football em 1987 e em 1992 a Fantasy Football Weekly ( que mais tarde se tornaria a Fanball.com) atingiu a marca de 2 milhões em publicações vendidas além de outras empresas criadas para computar os dados dos jogos e enviar via fax para os jogadores.

Em 1993, o USA Today, através do colunista John Hunt criou a primeira liga de especialistas em alto nível, a “League of Alternate Baseball Reality” e o passatempo continuava a crescer alcançou a marca de 3 milhões de jogadores nos anos 90.

O advento da internet

Um fator que marcaria para sempre os Fantasy Games, seria a ascensão da internet e a popularização dos computadores pessoais na década de 90. A nova tecnologia superou as barreiras da informação, já que as estatísticas poderiam ser transmitidas de forma muito mais rápidas e online. As primeiras empresas de Fantasy Games a colocarem os pés na rede foram O Commissioner e o RotoNews.
O Commissioner entrou no ar em 1 de janeiro de 1997, foi o primeiro site a oferecer dados e estatísticas em tempo real, dois anos mais tarde
o mesmo foi vendido para a SportsLine por US$ 31 milhões em dinheiro e ações, provando que os Fantasy Games haviam deixado de ser apenas um hobby e se tornaria um negócio. Em 2003 a SportLine teve um US$ 11 milhões em receitas através do Fantasy Games.

Montamos aqui um compilado de informações úteis para você que quer começar no mundo dos Fantasy Games. Prepare sua prancheta!

Os maiores do mundo

FanDuel e DraftKings dividem o posto de maiores Fantasy Games do mundo, com mais usuários registrados e ativos em diferentes ligas. Faremos aqui uma pequena comparação entre ambos baseada nas informações do site fantasy-sport.net.

 

DraftKings – Um dos gigantes do Fantasy Game mundial

FanDuel foi criado em 2009, o DraftKings em 2011 e ambos ostentam a marca de 41 milhões de jogadores nos Estados Unidos e Canadá. Ambos movimentam 41 Bilhões de dólares por ano.
O valor de mercado do FanDuel é de 377 milhões de dólares e 166 milhões do DraftKings.|
Em novembro de 2016, ambas empresas tentaram uma fusão porém a justiça americana embargou o processo pois ambas estariam dominando 90% do mercado.

Fanduel – Outro titã do Fantasy Games

Fantasy Game no Brasil

A história dos Fantasy Games no Brasil é bem recente, em 2005 com o respaldo do globo.com e com a promoção do SporTV surge o Cartola FC, o maior esporte Fantasy do país com cerca de 5 milhões de usuários registrados.

O Cartola FC segue o estilo de jogo Daily Sport Fantasy que consiste em ter resultados por rodada, trazendo assim toda semana um “vencedor” da rodada.
Em 2017, na décima rodada do campeonato brasileiro (o Cartola FC só abrange o brasileirão), foi registrado o recorde com maior número de equipes escaladas na história do Fantasy brasileiro onde 5.504.835 equipes foram escaladas para aquela rodada.
Hoje é consagrado e se tornou tradicional durante o campeonato brasileiro mostrando todo o potencial desse estilo de jogo com o público brasileiro.

Cartola FC – Primeiro Fantasy Football do Brasil

SportManager 365 

Está chegando ao Brasil um novo Fantasy! Aos moldes do DraftKings e do FanDuel o SportManager 365 está chegando como uma opção para quem quer um jogo mais sério, com disputa de prêmios reais em dinheiro. Com certeza será uma grande opção para quem gosta de misturar a paixão por futebol e a possibilidade de ganhar prêmios.
Para os jogadores recém chegados, o SportManager 365 esta presenteando com 10 dólares, para que os jogadores possam começar a jogar a disputar os torneios e ganhar mais prêmios.
É uma grande chance para você que esta iniciando no mundo dos Fantasy Games entrar e descobrir as emoções de comandar sua equipe!

Com um sistema de torneios por rodada e distribuidos entre vários tipos de competições, o SportManager 365 é um jogo a se levar a sério sem perder a diversão.

SportManager 365 – O novo Fantasy Game que está chegando ao Brasil

 

Como jogar um Fantasy Game? 

O grande ‘charme’ dos Fantasy Games com certeza é o mar de variáveis que influenciam o jogo. O desafio de estudar os jogos e no final contar também com um pouco de sorte, são os ingredientes de um tipo de jogo que hoje é uma febre.
Parece complexo para quem é jogador casual, mas para quem é fã de esporte, talvez essa seja a parte mais divertida. Muitas pessoas veem os Fantasy como mero entretenimento, porém, para outras pessoas, é um jogo sério e uma maneira de ganhar dinheiro! 

Compilamos aqui um pequeno guia estratégico com dicas para você que quer se dar bem nos Fantasy Games!

Primeiro passo: Análise da rodada!

Este passo é o básico! O jogador deve fazer um levantamento dos jogos da rodada, assim ele terá uma idéia de quais times são favoritos, as condições de jogo, quem joga em casa e quem joga na casa do adversário e etc… Aparentemente são dados simples porém influenciam diretamente nos resultados dos jogos.

Fazer uma análise das rodadas anteriores também é uma boa estratégia para saber quais jogadores estão pendurados com cartões, foram expulsos ou se lesionaram (quando você escala seu jogador favorito e ele não joga é lamentável).
Todas estas variáveis tornam os Fantasy Games tão divertidos para os amantes do futebol.

Segundo Passo: Análise dos elencos!

Esta parte é fundamental e facilita muito o processo de escolha dos seus jogadores.
Todos os times possuem um “elenco base” que geralmente joga a maior parte das partidas, isto serve de indicador para que você possa escolher os jogadores que jogam com mais freqüência.
A grande complicação desta parte é que os Fantasy Games estipulam um orçamento para que limite o jogador na hora de “contratar” seus jogadores.
Uma forma de administrar isso? Simples! Busque jogadores nos times menores e menos conhecidos! Depois de fazer uma análise da rodada provavelmente você vai encontrar jogos “menores” e às vezes são esses jogos que salvam a sua rodada.
Dica de ouro: Não deixe a paixão pelo seu clube do coração influenciar nas suas escolhas! Alguns jogadores deixam de escalar jogadores do time rival e isso pode significar preciosos pontos perdidos dentro do jogo!  

Escalação: Alguns Fantasy Games disponibilizam apenas um tipo de formação para jogar, com os jogadores divididos entre: Goleiro, Zagueiros, Meias e Atacantes. Parece uma limitação porém não é! 

Isso pode ser utilizado pelo jogador de maneira estratégica de acordo com a mentalidade de jogo, vejamos um exemplo:
Nesta rodada teremos: Palmeiras x Novorizontino, Corinthians x Bragantino.
Nosso treinador assumiu uma postura mais defensiva e na sua análise ele percebeu que o Palmeiras ganhou o primeiro jogo com uma ampla vantagem então apesar de jogar em casa ele pode escalar os jogadores defensivos pois o Palmeiras não precisa necessariamente buscar um resultado. Já o Corinthians perdeu por 3×2 para o Bragantino e como vai jogar em casa vai tomar uma postura ofensiva, então escalar jogadores ofensivos do Corinthians aumentam sua probabilidade de ter gols.
Como zagueiros e laterais são tratados como defensores e armadores, volantes e alas são tratados como meias, você pode definir seu estilo de jogo de forma clara. Por exemplo, escalando 4 zagueiros em partidas que estatisticamente a chance de tomar gols são menores.
Da mesma maneira você pode escalar 4 volantes ou 4 armadores dependendo das variáveis da rodada.

Ressaltamos que, estas informações são básicas e as surpresas fazem parte da magia do futebol.

Dicas úteis:

Busque estatísticas em sites de aposta: Parece irrelevante mas o estudo estatístico feito nos sites de aposta trazem dados matemáticos que podem ajudar e ser muitos úteis na hora de avaliar os jogos da rodada!
Levar em consideração o local do jogo: O fator torcida tem influência direta! Porém em algumas situações os mandantes dos jogos levam seu jogo para outras cidades, tornando assim “campo neutro” podendo afetar o resultado do jogo.
Trio de arbitragem: As vezes um arbitro que tem histórico de distribuir muitos cartões e marcar muitas faltas podem alterar o panorama do jogo!

Faça combos: Exemplo: jogos de pouca probabilidade de sofrer gols você pode escalar um zagueiro e um goleiro da mesma equipe, assim se você tem a chance de pontuar duas vezes por não ter levado gols. O mesmo serve para o ataque escalando um jogador com alto índice de assistências e um atacante marcador do mesmo time. 

Sempre fique atento aos números!

Dizem que o futebol é uma caixinha de surpresas e de fato é, ele sempre nos surpreende porém as estatísticas são um guia, é um norte para quem quer chegar a vitória!
Se você não conhecia os Fantasy Games espero que este artigo tenha introduzido você neste mundo fantástico e divertido! Se você já é “velho de casa” compartilhe informações e ajude a fortalecer esta comunidade!

Boa sorte para todos!