Depois da quinta feira mais insólita da era moderna do futebol brasileiro, a chamada dança das cadeiras fez cair mais dois técnicos.


Enderson esteve no comando do Ceará em 22 partidas. Nesse período, somou 6 triunfos, 5 empates e 11 derrotas, que correspondem a um aproveitamento de 34,8% dos pontos disputados.

A última vitória do Ceará foi uma goleada de 4×1, aplicada sobre a Chapecoense no dia 10 de agosto. Desde então, o Vovô disputou 10 jogos e somou somente 5 pontos (5 empates e 5 derrotas). Com o jejum, o treinador não suportou a pressão e acabou demitido na última terça-feira.

Ontem, o último treinador a cair – até agora – nesse Brasileirão foi Eduardo Barroca, que estava à frente do Botafogo:

Depois de oito meses de trabalho (27 jogos – 10V/3E/14D), a situação do time se complicou. A derrota por 1×0 para o rival Fluminense foi a quarta seguida da estrela solitária e os torcedores chegaram a invadir os treinos do time duas vezes na última semana.

Além de Enderson, Eduardo e dos treinadores que caíram recentemente – Rogério Ceni (por causa de atritos com lideranças celestes), Oswaldo de Oliveira (após discussão com Ganso no meio do jogo) e Cuca (que pediu para sair do São Paulo) – outros 9 treinadores já deixaram seus postos no decorrer do Brasileirão desse ano:

  • Abel Braga – Flamengo (29 de maio)
  • Fernando Diniz – Fluminense (19 de agosto)
  • Geninho – Avaí (17 de junho)
  • Marcelo Cabo – CSA (30 de junho)
  • Ney Franco – Chape (24 de julho)
  • Claudinei Oliveira – Goiás (04 de agosto)
  • Mano Menezes – Cruzeiro (08 de agosto)
  • Felipão – Palmeiras (2 de setembro)
  • Zé Ricardo – Fortaleza (27 de setembro)

O destaque aqui vai para a demissão de Zé Ricardo. O técnico substituiu Rogério Ceni, que foi treinar o Cruzeiro; entretanto, como o ex-goleiro acabou entrando em desacordo com Thiago Neves e outras peças importantes do elenco da raposa mineira, foi demitido 46 dias depois de chegar a Belo Horizonte.

Livre no mercado, o Fortaleza demitiu Zé Ricardo e convocou Ceni para voltar ao comando do clube. A reestreia, inclusive, foi com uma vitória sobre o Botafogo. A situação rendeu até mesmo alguns memes sobre a tática empreendedora do Fortaleza:

O que você achou dessas várias trocas? Acha que algum dos treinadores tem potencial de fazer sucesso em alguma outra equipe? Deixe sua opinião nos comentários!

Não se esqueça que no Sport Manager 365 você é um técnico que não precisa se preocupar com o fantasma da demissão e ainda pode ganhar uma grana extra. Escale seu melhor time!