Separamos os melhores e os piores desempenhos dos jogadores do Brasileirão na última temporada. Confira quem foi o melhor e quem foi o azarão.

Levando em consideração os jogadores que participaram de mais de 20 partidas da competição, vamos separar os quatro melhores e os quatro piores jogadores da última temporada, um por posição, para um comentário sobre o rendimento.

Melhores

Gol

Marcelo Lomba – Internacional

View this post on Instagram

❤️ 🧤 👨‍👦

A post shared by Marcelo (@marcelolomba) on

O Goleiro do Inter recebeu o prêmio Brasileirão 2018 como melhor goleiro. A boa fase parece ser duradoura, o goleiro continua fazendo um bom trabalho em 2019, despontando novamente como um dos melhores goleiros do campeonato.

Lomba nas 24 partidas que disputou teve atuações muito seguras e obteve um total de 10 clean sheets, ou seja, uma média de 41,7% de jogos sem tomar gols.

Defesa

Geromel – Grêmio

Pedro Geromel fez história no Grêmio como um dos maiores zagueiros da equipe. O defensor foi um dos pilares de uma temporada muito boa do tricolor em 2018.

Recebeu o prêmio Brasileirão 2018, este ano continua em forma e fazendo um bom trabalho pelo tricolor. É um zagueiro muito regular, por muitas vezes é o capitão da equipe, por isso é peça fundamental para o desenvolvimento do time.

Tem uma média incrível de troca de passes, com 90,3% de acerto na temporada. Além do Brasileirão o jogador teve uma importante participação na Libertadores, onde o Grêmio chegou até as semifinais.

Meio

Lucas Paquetá – Flamengo

O meia revelado no Flamengo teve um desempenho invejável na temporada passada. Foi reconhecido com o Prêmio Brasileirão 2018 e posteriormente vendido ao Milan, time pelo qual joga na atualidade.

Com 10 gols marcados no Brasileirão o meio-campista se destacou pela sua habilidade e versatilidade. O meia assumiu o protagonismo do rubro-negro, atuou em diferentes posições demonstrando muita qualidade técnica em todas elas.

Ataque

Gabriel Barbosa – Santos

O atacante que atuava pelo Santos foi artilheiro do Brasileirão e da Copa do Brasil em 2018, com 18 e 4 gols respectivamente.

Sua passagem com pelo peixe fez história, cria da base, depois de passar uma temporada fora voltou para casa com o peso da camisa 10. Fez jus ao que lhe foi imposto e ganhou o Prêmio Brasileirão 2018.

Atualmente o atacante joga pelo Flamengo, depois de uma transferência no início da temporada de 2019.

Piores

Gol

João Gabriel – Vitória

Na temporada 2018 o Vitória conseguiu vencer apenas 9 das 38 partidas disputadas e teve a defesa mais vazada do campeonato. Apesar de não ter o pior saldo de gols, foi o clube que mais sofreu gols.

Por isso o goleiro com o maior número de partidas pelo time na temporada foi considerado o pior goleiro do ano, uma vez que foi o que mais sofreu gols, 48 no total.

João Gabriel continua no Vitória, como goleiro titular na segunda divisão e por lá as coisas também não andam muito favoráveis, o clube baiano luta para sair da zona de rebaixamento.

Defesa

Rayan – Paraná

O Paraná foi lanterna do campeonato, por isso foi rebaixado para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro. Teve a segunda defesa mais vazada do campeonato e o pior ataque da competição. Sofreu 57 gols enquanto marcou apenas 18.

O defensor esteve presente na maioria das partidas e não apresentou o melhor futebol, por muitas vezes não conseguiu acompanhar o ataque adversário e complicou para o goleiro, o que levou ao resultado ruim do clube na disputa.

Rayan continua a jogar pelo Paraná pela Série B do Brasileirão, o clube atualmente está na quinta colocação, e ao continuar nessa pegada tem chances de subir para a elite do futebol brasileiro de novo.

Meio

Leandro Donizete – América-MG

O meia que começou a carreira no Ferroviária, teve passagem expressiva pelo Coritiba, Atlético-MG e Santos, foi para o América-MG para reforçar o clube, mas acabou não fazendo um bom trabalho.

O jogador foi emprestado do Santos para o clube mineiro, onde Leandro permanece até hoje. O desempenho ruim do jogador, assim como o de toda a equipe, fez com que o clube fosse rebaixado para a sengundona.

Em 2019 o AMérica passa ainda mais dificuldades, está na lanterna da segunda divisão, por isso precisa de uma reação (rápida), para não descer mais e chegar a terceira divisão.

Ataque

Aguirre – Botafogo

Apesar da boa colocação do Botafogo no campeonato, Aguirre teve um desempenho ruim na temporada.

O atacante entrou em campo 25 vezes vestindo a camisa do Botafogo e conseguiu mandar para o fundo das redes apenas uma vez, contra o Sport.

O jogador chegou ao clube em meados de março de 2018, depois do Botafogo ter sido campeão carioca. Por falta de entrosamento com o time, o atleta foi transferido para a Liga de Quito, LDU, onde joga atualmente.

E em 2019? Quem você acha que vai se despontar positivamente e negativamente? Ca aí pra gente nos comentário. Não esqueça de fazer sua escalação para o Brasileirão!