Em um duelo eletrizante e digno de Libertadores, Flamengo e Grêmio se enfrentaram ontem (02/10), na Arena Grêmio.

Na última quarta-feira (02/10), Grêmio e Flamengo jogaram a ida da semifinal da Copa Libertadores da América em Porto Alegre, casa do Grêmio.

Apesar do empate em 1×1, o Flamengo se impôs no jogo e não se intimidou com a Arena Grêmio lotada. Mesmo sendo visitante, encurralou o adversário e mostrou a qualidade técnica dos seus principais jogadores.

Aos 20′, Luis Felipe cruzou na área e Paulo Victor tirou no soco, a bola sobrou para Éverton Ribeiro na entrada da área, que bateu bem e balançou as redes. Porém, o lance foi invalidado pelo VAR por uma falta de Gabigol em Kannemann no início da jogada.

Pouco depois, aos 23′, Gabigol recebeu na esquerda, ajeitou e bateu forte. Paulo Victor aceitou o chute e a redonda parou dentro do gol. Novamente o VAR foi acionado e sinalizou o impedimento do camisa 9, por isso o gol foi invalidado.

O final do primeiro tempo mostrou um Flamengo com uma proposta muito ofensiva de jogo, com muita velocidade pelas pontas com Bruno Henrique e Arrascaeta e a criação por conta de Everton Ribeiro e Gerson, além do perigoso Gabigol na frente.

O Grêmio se limitou a alguns chutes de fora da área com Cebolinha e não conseguiu impor seu ritmo de jogo. Com pouca posse de bola (32%), o tricolor assistiu ao rival em casa e precisou acordar na segunda metade para conseguir segurar o adversário.

Na volta dos vestiários, a partida ficou mais agitada, com Diego Alves e Paulo Victor trabalhando para segurar as investidas dos clubes. Aos 23′, Bruno Henrique recebeu o cruzamento de Arrascaeta e, de cabeça, estufou as redes de Paulo Victor, marcando 1×0.

Aos 34′ Willian Arão se infiltrou bem pela direita e cruzou para Gabigol, que se antecipou e mandou para o fundo das redes. Porém novamente, ao revisar o VAR, o árbitro entendeu que o camisa 9 se encontrava em posição de impedimento e o gol foi anulado.

Já no final da partida, aos 88′ no contra-ataque em velocidade, Everton recebeu na direita e bateu cruzado no meio da área. Pepê chegou escorando de coxa e deixou tudo igual na Arena Grêmio.

Com o empate, a vaga na final ficou em aberto. O Flamengo joga por uma vitória de qualquer placar ou empate por 0x0 para a classificação. Já o Grêmio precisa vencer ou empatar por 2×2 ou mais para seguir na competição. Em caso de empate em 1×1, a vaga será decidida nos pênaltis.

As duas equipes se enfrentam de novo no dia 23/10 no Maracanã. Quem passar enfrenta o vencedor de River Plate e Boca Juniors, em Santiago, no final de Novembro.

Confira as estatísticas da partida:

Não deixe de fazer sua escalação para os próximos torneios!