No último final de semana, chegou ao fim o primeiro ciclo do Brasileirão. Todas as equipes já jogaram entre si uma vez, por isso fizemos uma análise do desempenho dos clubes e atletas nessa primeira fase. Confira!

Depois de 190 jogos disputados, quem ficou com o título simbólico de  campeão foi o Flamengo, que persiste na liderança com 42 pontos. O clube, que fez uma grande campanha depois da parada da Copa América, seguiu bem seus rivais, como por exemplo Santos e Palmeiras que também já ocuparam a primeira colocação do campeonato esse ano. 

Artilharia

No total, nas 19 rodadas disputadas, tivemos um total de 435 gols marcados. Desse total, Gabriel Barbosa do Flamengo, carinhosamente apelidado de Gabigol, marcou 16 vezes e até agora é o artilheiro do campeonato.

Logo em seguida, temos o atacante do Bahia, Gilberto, com 10 gols marcados. Eduardo Sasha do Santos, Everaldo Stum da Chapecoense, Arrascaeta do Flamengo e Thiago Galhardo do Ceará dividem dividem a terceira colocação com 8 gols cada.

Além disso, Gabigol, Everaldo e Gilberto também são os jogadores mais decisivos do campeonato. Ou seja, eles são os que mais anotam gols ou dão assistências em momentos que seus clubes estão perdendo ou empatando.

O atacante do Rubro Negro e o do Furacão do Oeste anotam oito jogadas decisivas: sete gols e uma assistência. O atacante do Esquadrão de aço possui também oito momentos decisivos, porém foram seis gols e duas assistências.

Melhor Ataque

Não é nenhuma surpresa que o melhor ataque do Brasileirão 2019 seja do time que tem o maior artilheiro. O Flamengo já balançou as redes adversárias 42 vezes e mantém um saldo de gols de 24. 

Veja aqui os melhores do brasileirão de 2019.

Maior Garçom 

O jogador que mais foi solidário com o companheiros de equipe foi Dudu do time do Palmeiras. Ao todo foram 40 vezes que o jogador deu o passe final, porém os colegas não conseguiram finalizar no fundo das redes, pois das 40 vezes que deu assitência, apenas 6 foram convertidas, dando uma média de apenas 15% de aproveitamento.

Já no time mineiro Cruzeiro, o meia Robinho tem apenas uma assistência para conclusão a menos que o Alviverde, Dudu. Porém apenas uma foi convertido. O que demonstra a crise no ataque da raposa, que não tem conseguido mandar a redonda para o fundo das redes.

No final, quem mais serviu os companheiros e resultou em gol, foi o meia do Flamengo, Arrascaeta, com sete assistências convertidas.

Pior defesa

O título de defesa mais vazada do primeiro turno do Brasileirão é dividido entre dois times: Chapecoense e Goiás. Cada clube teve suas redes balançadas pelos adversários 32 vezes, e ambos também possuem um saldo de gols de -15. 

Pior Ataque

O clube alagoano CSA tem o pior ataque da competição. No total, a equipe só conseguiu marcar 8 gols. Atualmente o time se encontra na 18ª colocação, acima apenas da Chapecoense e do Avaí, com 16 pontos e um saldo de gols de -17.

Times que mais empataram 

Apesar da boa colocação de ambos os times, Corinthians e São Paulo dividem essa posição. Os dois já empataram 8 vezes no campeonato e se encontram atualmente na 5ª e na 6ª colocação respectivamente. 

Times que mais perderam partidas 

A vitória, além de garantir 3 pontos para o time vencedor, também é um importante critério de desempate. Dois clubes dividem a posição de times que mais perderam esse importante mérito: Chapecoense e Fluminense (ao todo sofreram 11 derrotas).

Partida com mais gols

No Brasileirão, a média de gols por partida é relativamente alta. No primeiro turno, a média geral foi de 2,28 gols. O jogo que teve mais contribuiu para esse número aconteceu no dia 5 de maio entre Grêmio e Fluminense.

Válido pela terceira rodada do Brasileirão e realizado na Arena Grêmio, os donos da casa  foram derrotados por um gol de diferença, em uma partida emocionante que terminou em 4×5 para os visitantes. 

Maior público pagante

Até agora, o jogo que teve mais torcedores presentes, foi a partida entre Flamengo e Santos, válida pela 19ª rodada do campeonato.  O jogo que terminou em 1×0 para o Rubro Negro levou mais de 62.500 torcedores para o estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.

E para você qual foi a melhor campanha do primeiro turno? Não deixe de fazer sua escalação para as próximas rodadas do Brasileirão!